Em 20/09/2016, a Associação Nacional das Administradoras de Benefícios (ANAB), representada por sua diretora executiva, Luciana Silveira, participou do IV Fórum sobre Saúde Corporativa, realizada pela Associação Paulista de Recursos Humanos e de Gestores de Pessoas (AAPSA), em São Paulo.

 

O evento contou com a participação de grandes empresários, gestores da área de Recursos Humanos (RH), da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), operadoras de planos de saúde e profissionais da saúde.O objetivo do Fórum foi abordar e discutir sobre a gestão da saúde em ambiente corporativo como uma vantagem competitiva.

Na parte da manhã, foram realizadas palestras sobre os temas: “Cenário, desafios e oportunidades”, por Mauricio Ceschin (CRC Gama); “O que impacta no custo do benefício saúde”, por Enrico Vettori (Deloitte) e “Saúde – Um ativo da empresa”, por Fabrizio Pereira (Superintendente do SESI/SC). Após, foi realizado um painel de debates com os palestrantes e com a mediadora Milva Gois dos Santos (Vice-Presidente Jurídica e Presidente do Grupo de Saúde Corporativa da AAPSA). Danilo Araújo (Gerente de Saúde e Qualidade de Vida da Suzano Papel e Celulose) encerrou os trabalhos da manhã apresentando um Case de sucesso.

Segundo os palestrantes, não é mais aceitável que operadoras de planos de saúde não conheçam o perfil epidemiológico da carteira de beneficiários assistidos. Só se administra aquilo que se mede. É preciso utilizar o plano de maneira racional. O controle de custos deve se dar ao longo do ano, inibindo-se a fraude e evitando-se o desperdício. É preciso remunerar melhor o médico que se preocupa mais com o cuidado.

Já na parte da tarde, Mauricio Lopes, Vice-Presidente da SulAmérica, falou sobre “Promoção da Saúde – um caminho para a Sustentabilidade”. Após, foram apresentados dois Cases com foco em modelos de programas de Promoção da Saúde e Prevenção de Riscos e Doenças utilizados na Unimed São José do Rio Preto, por Célia Regina Mugayar (Gerente de Provimento de Saúde; e no Hospital Alemão Oswaldo Cruz, por Rodrigo Demarch (Gerente de Qualidade de Vida e Saúde). Após, foi realizado um painel de debates entre os palestrantes mediado por Luciana Silveira (Diretora Executiva da ANAB).

O painel mostrou que as empresas que contratam planos de saúde devem participar mais ativamente da gestão assistencial de seus funcionários, seja com estrutura própria ou com a ajuda de administradoras de benefícios. Para essas empresas, é importante garantir o acesso à saúde de seus funcionários para evitar afastamentos por doença, para aumentar a produtividade e para tornar o ambiente corporativo mais saudável. Para as operadoras de planos de saúde, é importante manter as empresas como clientes, já que o plano de saúde coletivo empresarial responde por cerca de 70% do total de planos ofertados no país, ou seja, é ele quem financia o setor e nos últimos 2 anos houve uma redução expressiva no número de beneficiários vinculados a esses planos e isso causou um grande impacto na sustentabilidade do mercado de saúde suplementar.

Por fim, foi realizado um Talk Show mediado por Alberto Ogata, Diretor técnico da Associação Brasileira de Qualidade de Vida (ABQV), com a participação de Katia Audi (Gerente de Monitoramento Assistencial da ANS), Paulo Bastian (CEO HAOC), Lídia Abdalla Nery (CEO da Sabin), que discutiram sobre a importância das empresas investirem na Promoção da Saúde e Prevenção de Riscos e Doenças dos seus empregados, com ações programáticas integradas que objetivam: a promoção da saúde; a prevenção de riscos, agravos e doenças; a compressão da morbidade; a redução dos anos perdidos por incapacidade e o aumento da qualidade de vida dos indivíduos e populações. Neste sentido, Katia Audi falou sobre a criação de um grupo de trabalho na ANS para aprimorar as normas sobre o assunto.

A ANAB ratifica a relevância da participação das Administradoras de Benefícios em todas as discussões setoriais, contribuindo sempre para o fortalecimento destas no mercado de saúde suplementar, uma vez que neste momento de crise econômica no País, as Administradoras de Benefícios possuem um papel importante no setor, podendo ajudar as empresas a identificar o plano de saúde coletivo mais adequado e o modelo de gestão mais benéfico. 

©2019 ANAB

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?