A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) divulgou em seu site a 12ª edição do Atlas Econômico-Financeiro da Saúde Suplementar (ano base 2016).

Esta publicação abrangeu somente as Operadoras de Planos de Saúde médico-hospitalares, não incluindo as exclusivamente odontológicas nem as Administradoras de Benefícios, uma vez que estas não possuem produtos.

O estudo adotou nova metodologia para definição de mercados relevantes segundo modelo gravitacional e não de divisão geopolítica das unidades de federação (UF), conforme a edição passada. Foram identificados 96 mercados relevantes para as operadoras de planos de saúde no Brasil, levando em consideração a comercialização de planos médico-hospitalares individuais e coletivos. Ressalta-se que mercado relevante é o menor espaço econômico em que o poder de mercado pode ser exercido por um agente econômico ou por um grupo de agentes agindo de forma coordenada, durante um horizonte temporal.

Para a ANS, a compreensão dos mercados relevantes fornece subsídios para uma melhor avaliação dos efeitos de concentração de mercado, como também se põe como ferramenta necessária para a regulação econômico-financeira das Operadoras de Planos de Saúde e pela sua sustentabilidade financeira.

Para acessar o Atlas, basta clicar no link abaixo:

http://www.ans.gov.br/images/stories/Materiais_para_pesquisa/Perfil_setor/Atlas/2016_atlas.pdf

Apesar do tema não ser dirigido às Administradoras de Benefícios, a ANAB, como entidade representativa, acompanha e divulga todas as publicações que possam representar algum impacto nas atividades de suas associadas, buscando mantê-las atualizadas sobre as ações do órgão regulador.

©2019 ANAB

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?